sexta-feira, janeiro 15, 2016

 

6ª feira da 1ª semana do Tempo Comum – S. Arnaldo Janssen


Trouxeram-Lhe um paralítico, transportado por quatro homens; (cf. Mc 2,1-12)

A misericórdia de Deus desceu à terra e tornou-se acessível!
Há sempre obstáculos que nos impedem de chegar a Jesus:
a paralisia do pecado, a falta de fé, a ambição da multidão...
Mas há formas de ultrapassar estes obstáculos:
a fé da Igreja, a solidariedade, o amor ao bem do outro que sofre...
Os quatro homens do Evangelho unem-se para carregar o amigo,
não desistem ao primeiro obstáculo e sobem ao telhado,
fazem uma abertura e descem o amigo mesmo em frente do Mestre.
Jesus, não precisa de palavras de apresentação nem súplicas de cura,
Ele perdoa, levanta e cura o paralítico por dentro e por fora!

É o amor que faz andar os paralíticos de hoje:
os pais que levam ao colo os filhos que ainda não andam,
os familiares e amigos que ajudam os deficiente a deslocar-se,
os professores que ajudam os alunos a chegar ao conhecimento,
os catequistas e missionários que abrem a porta da fé,
os assistentes sociais que apoiam os dependentes e marginalizados,
os trabalhadores da saúde que recuperam os doentes,
os psiquiatras que libertam da depressão profunda e paralisante,
os geriatras que são as mãos e os pés dos idosos,
os confessores que perdoam o pecado e a culpa angustiante...
Somos membros uns dos outros neste corpo universal,
quando o amor nos move e a misericórdia nos comove!

Deus Trindade, comunhão de Pessoas diferenciadas e unidas,
obrigado porque nos fizeste com uma personalidade ímpar,
tão dependentes uns dos outros e tão complementares!
Louvado sejas pelo padeiro que durante a noite
nos preparou o pão da manhã, fresco e gostoso!
Louvado sejas pelo agricultor que cuidou das vacas
e dos trabalhadores que embalaram e esterilizaram o leite,
para que hoje pudéssemos beber leite quentinho!
Louvado sejas pelos cultivadores de café numa terra tropical,
pelos que o torraram e aprimoraram,
para que o pudéssemos saborear ainda meio adormecidos!
Louvado sejas por tantos irmãos desconhecidos e silenciosos
que sustentam o dia a dia cheio de normalidade solidária!
S. Arnaldo Janssen ajuda-nos e ensina-nos a ser missionários hoje,

que ajudam os paralíticos de fé a aproximarem-se de Jesus!

Comments:

Publicar um comentário





<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?